Etiquetas

, , , , , ,

Continuando o post anterior…

Como já mencionei, logo na primeira consulta a futura mamãe vai conhecer a sage-femme que a acompanhará até as primeiras semanas depois do parto.

Mas como alguém se torna uma sage-femme?

Pra começar, uma curiosidade: voces sabiam que homens também podem se tornar sage-femmes? Eu não sabia;) … De qualquer forma, isso é bastante raro.

Em Québec, a profissão foi regulamentada em 1999 e em toda a provincia, há apenas uma universidade em Trois-Rivières que oferece esse curso, com duração de 4 anos. Os critérios de admissão são bastante elevados e a carga horaria é puxada. Tanto que os candidatos são informados que será impossivel conciliar com um emprego, mesmo em período parcial, durante toda a formação. Além disso, a partir do terceiro trimestre de curso, é obrigatorio que o estudante tenha em um computador, telefone celular e um carro.

Quanto custa o acompanhamento de uma sage-femme?

Os custos são cobertos pela RAMQ (Régie de l’assurance maladie de Québec) e é proibido que os profissionais atendam no particular.

E (finalmente), como funciona?

Esse primeiro encontro é um momento de reconhecimento e o bate papo pode se estender conforme forem as duvidas da gestante (essa primeira consulta da Rose durou cerca de uma hora e meia). Já nessa primeira consulta é recolhido sangue pros exames delaboratório. Além disso, a gestante recebe um potinho pra fazer um pipizinho básico. Nesse xixi é necessario colocar um bastãozinho que vai ficar colorido, conforme o nível de glicose no organismo. Aproveitando essa mesma ida ao banheiro, a futura mamãe deve se pesar e informar os dados pra sage-femme.

Nessa primeira visita é dado um livrinho com orientações importantes sobre a gestação e até como é o procedimento pra registrar o bebê logo que nascer. Em seguida é hora de fazer uma visita guiada na Maison.

No caso da daqui de Québec, há cinco quartos disponíveis (cada um com uma cor temática) e a mamãe pode escolher qual gosta mais. Caso esteja disponível quando a cegonha chegar, é nesse mesmo em que a ação vai acontecer. Cada paciente tem o direito de permanecer lá durante 24 horas após o nascimento. Algo interessante é que, além da maison ser sempre ao lado de um hospital, eles também dispõem de uma incubadora que é deixada prontinha na porta do quarto, caso seja eventualmente necessário.

Durante a gestação, há ainda como recurso algumas palestras preparatórias, que se chamam Rencontres préparatoires à la naissance. São 4 ao total e a mãe deve escolher no mínimo 3, que incluem informações sobre: Amamentação, Se preparar para o dia do nascimento, Aliviar as dores/os medos e O começo da vida com bebê/como se preparar para acolher seu filho. O papai também pode ir junto e são sempre a noite na própria Maison.

Lá pela segunda consulta, a sage-femme vai dar uma folha em que devem ser registrados durante 7 dias, absolutamente tudo o que a futura mamãe come. Assim elas tem com acompanhar se o bebê está recebendo os nutrientes necessários. Além disso, como fonte de informação, há uma bibilioteca com vídeos e livros que ficam a inteira disposição das gestantes.

A princípio, a mamãe vai fazer apenas duas ecografias. Uma morfológica entre o quarto e quinto mês. Nessa é possível guardar as imagens num DVD mas nem espere os frufrus super fofos que varias clinicas oferecem nas terras brazukas. No caso da Rose, no disco ficaram gravadas apenas uma sequencia de imagens. A segunda eco será feita algumas semanas antes do parto.

Após o nascimento, a sage-femme vai visitar mamãe e pimpolho(a) em casa. No total serão 6 visitas, uma por semana. Depois disso, caberá ao médico de família assumir os cuidados tanto da mãe quanto da criança.

Sabem, o sistema de saude tem muito o que melhorar, assim como varias outras coisas (e nem comentei nada ainda sobre a longa jornada que é conseguir uma garderie aqui!!! 😀 ). Contudo, achei essa possibilidade de acompanhamento muito interessante e, aparentemente, funciona super bem.

Mas como agora tenho o privilégio de ter uma “informante” super atualizada (você é uma fofíssima Rose!), vou mantendo vocês informados, ok?

Segue coordenadas:

Maison de Naissance de la Capitale-Nationale
1280, 1re Avenue QC
G1L 3K9
418 651-7453
maisondenaissancedelacapitale@csssvc.qc.ca
Hospital de apoio: Saint-François d’Assise

Anúncios